HugeDomains.com
Captcha security check

vaultpos.com is for sale

Please prove you're not a robot

View Price

Blog

set 29th

LaPresse Entrevista: “Engana-se que Social Mídia qualquer um faz”, afirma Débora Sousa

Posted by with No Comments

As Mídias Sociais já explodiram e crescem a cada dia mais. Com isso, é importante que a sua empresa, o seu negócio, a sua startup, esteja nas redes sociais, seja no Twitter, Instagram, Facebook, Snapchat ou outra rede social alinhada ao seu público, entre tantas outras, levando em conta, é claro, o produto ou serviço comercializado!

Em um outro texto falamos sobre a especificidade de cada uma dessas redes sociais, orientando melhor os empreendedores sobre quais locais investir para atingir, de forma assertiva, o seu público-alvo, seja ele consumidores ou potenciais clientes.

Agora, falando ainda mais sobre as mídias sociais e a importância de um profissional da área, o Social Media (ou Social Mídia, em português), convidamos a Business Inteligence Débora Sousa para um bate-papo, com uma experiência de ter atuado, ao longo de dois anos e meio como Social Mídia da Coca-Cola!

Confira abaixo como foi o nosso bate-papo!

LaPresse (LP) – O que seria a humanização de conteúdos nas redes sociais?

Processed with VSCO with c1 presetDébora Sousa (DS): É tentar se aproximar ao máximo do consumidor. Parece clichê, mas é o que as empresas, que se destacam nas mídias sociais, fazem. É deixar de dizer claramente a frase “eu vendo isso”, para avaliar os gostos e necessidades dos seus consumidores e dizer pra eles: eu vendo isso porque te trará ‘x’ benefícios e minha empresa se responsabilizará por ‘y’ na sociedade.

Em meio a tantas informações e opiniões que o universo digital nos apresenta, é preciso que a marca seja honesta e ágil quanto às suas ações que envolvem o seu segmento e o mundo.

LP – Como são trabalhadas as datas comemorativas através das redes sociais, como o Natal, Reveillon e a Páscoa?

DS: Com base em avaliações, por meio de ferramentas como o Google Trends, de como o nosso público alvo vivencia essa data, selecionamos os melhores conteúdos. Por exemplo: se meu público alvo são adolescentes, entre 13 e 17 anos, podemos selecionar um Youtuber de grande relevância para falar sobre a data. Também podemos pensar em um lançamento de produtos colecionáveis para que possam trocar e completar antes do final do ano letivo.

LP: Diversos artigos e livros falam da importância de comemorar conquistas com os seguidores, principalmente em pequenos negócios. Como você enxerga isso?

DS: As mídias sociais aproximam o consumidor do que ele consome. Quanto maior a sua presença neste ambiente, maiores são as chances do consumidor entender o que é a sua empresa, como pensa e quais os ganhos e perdas dessa relação. Demonstrar credibilidade e segurança fica muito além daquele discurso colado no site corporativo.

LP: Qual a importância das redes sociais no desenvolvimento de um negócio?

DS: Hoje em dia? Toda! Os consumidores que realmente se interessam ou podem se interessar pelo seu produto estão online. Apesar da relevância, as redes sociais não são da massa, como a TV aberta. As redes sociais são nichos, onde você fala diretamente com o seu consumidor final!

LP: Como definir os temas interessantes para os públicos?

DS: Antes de começar a responder dentro dos canais como Facebook e Twitter, é preciso um planejamento. Nele deve conter todas as suas metas e, principalmente, qual o público quer atingir. Já encontrei diversos empreendedores que querem falar com classe A, B, C e D ao mesmo tempo. Saber a diferença de pra quem você quer falar e com quem você realmente fala, é fundamental! Depois que isso é estabelecido, fica muito mais fácil saber o que o seu público procura e fala nos canais e criar uma Brand Persona – aquela voz representante que norteará suas conversas nas mídias sociais.

LP: Que tipos de métrica são interessantes para verificar o retorno?

DS: Lembra que falei de planejamento? As métricas vão depender do seu objetivo. Se a empresa deseja que mais pessoas engajem na página, comentando e curtindo seus posts, por exemplo, vale ficar de olho no seu alcance orgânico e pago, no número de impressões, entre outros.

LP: Quais dicas você pode dar para aqueles empreendedores que ainda não possuem dinheiro para contratar um social media, mas que queiram trabalhar as mídias sociais da empresa?

DS: Já dizia a minha avó: -”Para você saber mandar fazer, você precisa saber fazer!”. E neste meio é exatamente assim que funciona. Ler livros e artigos sobre o assunto e conversar com colegas que já investem nessa área vão fazer com que você saiba o que quer, entenda as necessidades e saiba escolher o profissional mais adequado para este serviço futuramente. Engana-se que Social Mídia qualquer um faz! Muitas empresas se perdem nesse meio por acreditar nisso. Vemos muitas empresas que desvalorizam financeiramente os social mídias, por não entenderem a sua importância.

 

Tagged with: , , , , , , , , ,

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *