Blog

mar 2nd

Os textos mais lidos de Fevereiro!

Posted by with No Comments

Mesmo com o mês de fevereiro sendo mais curto, com direito a Carnaval – ou seja, diversão, descanso e MUITO calor, principalmente no Rio de Janeiro -, os empreendedores se mostraram muito ativos e estiveram presentes no Blog da LaPresse, atentos as nossas dicas e insights.

Por isso, separamos os cinco textos mais lidos ao longo do mês de fevereiro, sendo eleito os preferidos dos empreendedores neste período. Ficou curioso? Dá uma olhadinha aí embaixo:

1 – Paris 6 dá aula de empatia e fidelização através das redes sociais

No mês de janeiro, durante uma forte chuva na cidade de São Paulo, uma cliente do Paris 6 acabou sendo derrubada pela força da água em frente ao restaurante, sujando e molhando completamente a sua roupa. Compadecido com a situação, o Paris 6 se posicionou: começou a procurar a consumidora para uma “noite de estrela” através da página oficial no Facebook, com  Isaac Azar, sócio-fundador do Paris 6, assinando a postagem. E você pode saber mais, lendo o texto completo diretamente no link: https://goo.gl/j5edYo

2 – Como fazer comunicação externa para PME

Toda a comunicação da sua empresa é importante, tanto a interna, quanto a externa. E, por isso, separamos algumas dicas de como fazer a comunicação externa da sua PME, falando, eficientemente, com todos os seus consumidores e potenciais clientes. Saiba mais aqui: https://goo.gl/IvUZBw

3 – 10 Dicas para aumentar a credibilidade do seu site

Você já parou para pensar em quais informações que fazem seus clientes fechar com você? Bem, a gente descobriu o caminho das pedras. Com base em uma pesquisa de 2015 feita pela Huff/KoMarketing com o tema “B2B Web Usability Report”, destacamos a importância de 10 pontos para gerar credibilidade ao seu site: https://goo.gl/Qzp3zl

4 – Cinco dicas para alinhar a comunicação ao seu planejamento estratégico

Enquanto na matemática “a ordem dos fatores não altera o produto”, na comunicação altera sim. Por isso é de extrema importância que TODA a comunicação da sua empresa, seja ela interna ou externa, esteja completamente alinhada com o planejamento estratégico do seu negócio. E, para isso, demos cinco dicas nesse texto: https://goo.gl/bzBZyw

5 – Comunicação sob medida para PME e Startups

A gente sabe que, tanto PME quanto startups têm um orçamento enxuto e muitas vezes vêem a comunicação como práticas onerosas. Mas esses seis anos de mercado nos deu a expertise necessária para ajudar empreendedores a encontrar a melhor solução de acordo com o tamanho de sua empresa. E falamos um pouco mais sobre como fazer planejamentos de comunicação com verba enxuta aqui:  https://goo.gl/f8k3Ms

 

Read More
fev 23rd

Descansar sim, se isolar jamais! Aproveitem o Carnaval

Posted by with No Comments

Fevereiro é sempre um mês mais curto. Além de ter menos dias no calendário, esse ano ainda teremos o Carnaval, que já está na portinha, permitindo um período de descanso a todos os empreendedores neste início de 2017. Por isso, antes de março, que não tem nenhum feriado – pode tirar seu cavalinho da chuva -, todos temos uma chance de descansar e curtir.

Viaje com a família, vá aos blocos de Carnaval, mergulhe no mar, recarregue as energias e divirta-se bastante acompanhado das pessoas que você ama. Mas atenção: Não confunda descanso com isolamento! Você é um empreendedor e tem a obrigação de estar antenado para as principais novidades, pois, mesmo neste feriado prolongado, a tecnologia não para e o mundo dos negócios segue a todo vapor.

Por isso, siga os principais portais de notícia nas redes sociais, baixe os aplicativos, ou faça o que te deixa mais confortável para acompanhar o mercado. Feito isso, selecione, pelo menos, um horário do seu dia e se atualize! Veja como está sua empresa na sua ausência, verifique o que seus concorrentes estão fazendo, dê uma olhada no mercado e nas notícias. Não se isole!!!

Claro, você não precisa ter a mesma assiduidade nas redes sociais, até porque é o seu período de descanso, mas não pode negligenciar a importância das novas tecnologias e meios de informação para você e sua empresa!

Tem interesse nos nossos serviços de assessoria de imprensa, marketing de conteúdo, mídias sociais e relações públicas? Fale com a gente: [email protected]

Read More
fev 13th

Cliente LaPresse: Ribeiro da Luz Advogados!

Posted by with No Comments

Nós temos um novo caso jurídico! E trata-se dos queridos da Ribeiro da Luz Advogados, um escritório de advocacia localizado no Centro do Rio de Janeiro! Especializado em diversas áreas, como Societário e Empresarial, Gestão Jurídica de Patrimônio, Relações Familiares, entre outros, o escritório agora faz parte da nossa amada carta de #ClienteLaPresse!

Para a empresa nós faremos a gestão completa de comunicação, cuidando da imagem do Ribeiro da Luz Advogados na mídia, traçando ações de Relações Públicas e a frente da gestão das redes sociais do escritório de advocacia, cuidando e atualizando, principalmente, o Facebook e o LinkedIn, com um trabalho em conjunto com os advogados para fazer um trabalho completo, melhor atendendo o nosso cliente.

Mas esse não é o primeiro cliente que a LaPresse possui no ramo jurídico. Além do Ribeiro da Luz, cuidamos da comunicação do Dubbio, que é uma plataforma totalmente gratuita para a retirada de dúvidas jurídicas diretamente com ad_MG_9837_Foto Thiago Laravogados e, anteriormente, fomos responsáveis também pela assessoria de imprensa de outros escritórios de advocacia espalhados pelo Brasil.

Não é o máximo? A LaPresse fica muito feliz com o reconhecimento do seu trabalho em assessoria de imprensa, mídias sociais, marketing de conteúdo e relações públicas, não apenas no segmento de startups, micros e PMEs, mas também no âmbito jurídico.

Quer integrar a nossa lista de clientes? Fale com a gente através do e-mail [email protected]

 

Read More
fev 1st

As mais acessadas de Janeiro

Posted by with No Comments

Mês de férias para boa parte dos brasileiros, mas não para os empreendedores, que trabalham, estudam e se dedicam enquanto todos os outros descansam. Aqui na LaPresse também foi assim. O trabalho não parou e os resultados estão aí, com os cinco textos mais lidos ao longo de todo o mês de janeiro!

Não sabe quais foram? Não se preocupe! Trouxemos um belo resumo para vocês, fazendo uma introdução, e o link de cada um deles para o estudo!

1 – Seis dicas para planejar suas ações em redes sociais

O texto mais lido do mês de janeiro fala das ferramentas que muitos utilizam pelo prazer, enquanto nós as usamos para aumentar a visibilidade das empresas. As mídias sociais chegaram para ficar. Por isso é importante ter um planejamento sólido de suas ações, sempre pensando no melhor para o negócio. Confira as seis dicas que separamos aqui: goo.gl/eZnwjz

2 – Cinco dicas para alinhar a comunicação ao seu planejamento estratégico

Enquanto na matemática “a ordem dos fatores não altera o produto”, na comunicação altera sim. Por isso é de extrema importância que TODA a comunicação da sua empresa, seja ela interna ou externa, esteja completamente alinhada com o planejamento estratégico do seu negócio. E, para isso, demos cinco dicas nesse texto: goo.gl/bzBZyw

3 – Como a metodologia SMART pode auxiliar no crescimento do seu negócio

Criar objetivos e traçar metas é importante. E para tirá-los do papel é preciso desenhar um processo de execução ajustado a sua realidade para colocá-lo em ação. Então, fuja das ideias megalomaníacas porque não há mágica que transforme um real em um milhão em apenas 24 horas, certo? Por isso aqui na LaPresse utilizamos, como uma das metodologias, a SMART (Specific, Measurable, Attainable, Relevant, Timely). E você pode saber mais a respeito dela aqui: goo.gl/wTgqeg

4 – Como fazer comunicação externa para PME

Toda a comunicação da sua empresa é importante, tanto a interna, quanto a externa. E, por isso, separamos algumas dicas de como fazer a comunicação externa da sua PME, falando, eficientemente, com todos os seus consumidores e potenciais clientes. Saiba mais aqui: goo.gl/IvUZBw

5 – Comunicação sob medida para PME e Startups

A gente sabe que, tanto PME quanto startups têm um orçamento enxuto e muitas vezes vêem a comunicação como práticas onerosas. Mas esses seis anos de mercado nos deu a expertise necessária para ajudar empreendedores a encontrar a melhor solução de acordo com o tamanho de sua empresa. E falamos um pouco mais sobre como fazer planejamentos de comunicação com verba enxuta aqui:  goo.gl/f8k3Ms

Read More
jan 30th

Paris 6 dá aula de empatia e fidelização através das redes sociais

Posted by with No Comments

Engana-se quem pensa que o cuidado com o cliente deve ocorrer apenas da porta para dentro do seu estabelecimento. Já falamos em milhares de textos sobre a importância da comunicação como um todo, tanto interna, quanto externamente. Inclusive, mais recentemente, falamos sobre a comunicação como base de todo relacionamento, sendo ele profissional ou pessoal: http://www.lapresse.com.br/como-construir-um-ciclo-de-comunicacao-para-pme/

E o Paris 6  – aquele restaurante super bem falado que a minha namorada quer ir e eu nunca levo – mostrou que está atento não apenas a necessidade, mas também ao bem-estar de seus clientes. Neste mês de janeiro, durante uma forte chuva em São Paulo, uma consumidora foi derrubada pela força da água, quando ia entrar no restaurante.

O vídeo, é claro, viralizou nas redes sociais, virando memes e gifs. No entanto, o restaurante estava atento a isso e, mostrando preocupação com a sua cliente, se posicionou: começou a procurar a consumidora para uma “noite de estrela” através da página oficial no Facebook, com  Isaac Azar, sócio-fundador do Paris 6, assinando a postagem.

Apenas isso, já rendeu uma resposta da cliente Nathalia Alves, mostrando-se bem e destacando a atenção dada por todos do Paris 6, desde o sócio-fundador, até o manobrista, que estava ajudando-a no momento do acidente.

Poderia ter ficado apenas nisso? Sim, mas o Paris 6 foi além e tornou Nathalia uma cliente vip vitalícia, podendo fazer refeições gratuitas em qualquer unidade do restaurante.

O que isso demonstra?

Qualquer empreendedor poderia, simplesmente, não falar nada sobre o acidente e deixar passar essa onda. Afinal, o incidente não ocorreu dentro do estabelecimento e o Paris 6, teoricamente, não teria nenhuma responsabilidade com a consumidora.

Mesmo assim, com atenção as redes sociais e ao consumidor, enxergando o ser humano em cada um de seus clientes, agiu, e agiu certo! Humanizou o restaurante, mostrou toda a agilidade para a resposta sobre a situação – mesmo não sendo culpa do Paris 6 -, colocou o líder em destaque e pensou apenas em seu cliente, não querendo nada em troca.

Outros cases

Não é incomum algumas empresas entrarem em polêmica por ações de seus funcionários. Empreendimentos como Burger King, FedEx e American Airlines já encararam de frente alguns problemas e, com agilidade e eficiência, reverteram a situação ruim.

Na FedEx, por exemplo, um funcionário foi filmado jogando uma caixa de qualquer jeito, não se importando com o conteúdo interno. O presidente da empresa, Matthew Thornton, gravou um vídeo-resposta às críticas pedindo desculpas e apresentando medidas para que o problema não voltasse a ocorrer.

Já no Burger King, um funcionário postou uma foto nas redes sociais pisando em cima de alfaces da empresa, gerando raiva nos consumidores dos alimentos. Rapidamente, a rede de fast-food se posicionou, localizando o autor da foto, demitindo-o e emitindo um comunicado sobre a solução do caso. Medidas simples, certo? Mas com agilidade: tudo ocorreu em menos de 24h.

A American Airlines passou por uma saia-justa por causa de boatos! Algumas histórias levantaram a possibilidade de uma suposta falência da empresa, que, por sua vez, criou vários canais específicos para falar sobre esses rumores, inclusive dentro do seu site!

A Brastemp também mostrou-se atenta às redes sociais, quando um cliente, depois de 90 dias sem geladeira e 10 ligações para o SAC, colocou o seu refrigerador na porta de casa, gravou um vídeo e postou nas mídias sociais. No mesmo dia a empresa ficou sabendo do caso, entrou em contato com o consumidor, resolveu o problema, investigou onde ocorreu a falha, ofereceu, novamente, treinamento para todos os profissionais para que o problema não se repetisse e se posicionou pela internet e em diversos veículos de comunicação.

Resumindo a história, com o avanço das tecnologias e o crescimento das mídias sociais, é primordial que toda empresa esteja atenta as novidades e seja rápida em responder os seus consumidores, não deixando que o problema vire uma bola de neve e coloque tudo a perder em pouco tempo.

Ficou com alguma dúvida ou quer saber mais sobre Relações Públicas e Mídias sociais?

Entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected].

 

Read More
jan 16th

Como fazer comunicação externa para PME

Posted by with No Comments

A gente já falou em como é importante para as pequenas e médias empresas criarem um ciclo de comunicação. E também explicamos como estruturar a comunicação interna para potencializar os resultados no relacionamento com seu público-alvo. E neste post vamos como alinhar a Assessoria de Imprensa, o Marketing de Conteúdo e as Relações Públicas ao seu objetivo de mercado.

Comunicação através da Assessoria de Imprensa

Além de ser uma ferramenta forte para a retenção e fidelização de consumidores (falamos melhor sobre isso aqui), também é a mais eficiente para a atração de novos consumidores, pois o jornalista, blogueiro ou youtuber é visto pelo seu público como um especialista, o que aumenta a credibilidade da empresa. E uma citação dele sobre seu negócio é com um aval para a compra de seu produto ou serviço.

Para isso, é preciso priorizar os veículos que estão alinhados aos seus consumidores. Por exemplo, uma agência de turismo voltado para o público de terceira idade deve apostar em espaços tradicionais como jornal, revista, TV e rádio. Já uma startup pode investir à vontade na web e direcionar para a imprensa de negócios se for B2B e grandes portais ou de nicho para B2C.

Comunicação através das Relações Públicas

Como o próprio nome diz, o forte dessa ferramenta é o relacionamento e seu objetivo é influenciar parceiros e pessoas de renome do seu mercado. Por ser uma ferramenta polivalente ela pode trabalhar a credibilidade ao fortalecer os laços da marca com formadores de opinião; pode aumentar a visibilidade com ações diretas no consumidor final como palestras, webinar e eventos de lançamento de produto e serviços; ou auxiliar no reposicionamento identificando novos parceiros e atitudes que a empresa deve tomar frente ao seu público. Em nosso post ‘RP pra quê?’ tem várias dicas para pequenas e médias empresas.

Comunicação através do Marketing de Conteúdo

Diferente da publicidade que tem um discurso mais agressivo de vendas, o Marketing de Conteúdo vai estruturar os canais institucionais e fortalecer o diálogo com seus clientes, além de estimular o marketing de boca a boca. Dessa forma é possível criar um fluxo constante de vendas com quem já conhece a empresa e ao mesmo tempo estimula os possíveis clientes a realizarem sua primeira compra.

Além de se relacionar com seu público, você poderá mapear os influenciadores digitais de seu clientes e fortalecer o relacionamento com eles, marcando almoços e cafés para uma troca de experiência e recebimento de dicas para um melhor desenvolvimento do trabalho.

No nosso texto “Seis dicas para planejar suas ações em redes sociais” falamos sobre os passos para melhorar a sua comunicação nas mídias sociais. Além disso, no nosso post sobre “Relacionamento com o cliente através das Mídias Sociais” também falamos de medidas simples a serem tomadas para deixar a comunicação com o seu consumidor fluindo da melhor maneira possível.

Read More
dez 2nd

Os 5+: Os posts mais lidos de Novembro

Posted by with No Comments

Após um longo, agitado e quente (aqui no Rio está muito calor) mês de novembro, chegamos ao fim e damos um “bem-vindo” para dezembro, o último mês de um corrido 2016. Mês de encher a barriguinha e ver toda a família reunida nas suas tradicionais celebrações.

Enfim, depois de um mês com diversos acontecimentos e feriados, apresentamos a todos vocês os cinco textos que mais despertaram a curiosidade dos nossos seguidores ao longo dos últimos 30 dias. Sem mais delongas, confiram o novo ranking abaixo:

1º Assessoria de Imprensa na prática

Sabe como uma Assessoria de Imprensa funciona? Não? Nesse post explicamos um pouquinho mais da funcionalidade desta importante forma de comunicação com a mídia, mostramos como desenvolvemos a estratégia de relacionamento com a imprensa nacional e internacional sem perder de vista o objetivo em comunicação de cada empresa:goo.gl/PStozS

2º  Yes, we can! A Assessoria de Imprensa pode sim influenciar no seu potencial de faturamento!

O nosso segundo texto mais lido ao longo do mês de outubro foi a respeito de como a Assessoria de Imprensa pode influenciar o potencial de faturamento de uma empresa, aumentando os lucros do negócio a partir de uma comunicação de qualidade: https://goo.gl/ov9DDM

3º  Como a comunicação pode gerar credibilidade para o seu negócio

Seguindo uma linha semelhante ao texto anterior, mas desta vez focando mais na credibilidade e não tanto no potencial de faturamento, a forma como a comunicação pode agir a favor do seu negócio foi descrita em detalhes pela nossa equipe, contando ainda com a participação de  Lênia Luz, fundadora do Empreendedorismo Rosa, maior blog sobre empreendedorismo feminino no Brasil, diretora de comunicação da Aurelio Luz Franchising & Varejo, e diretora de Empreendedorismo e Negócios da BPW Curitiba, e Leonardo Filardi, gerente de empreendedorismo do Iniciativa Jovem , professor de Estratégia e Modelagem de Negócios e Marketing Estratégico no Infnet e membro do São Conrado Capital Partners: https://goo.gl/Rb7Znu

4º O que seu negócio precisa: mídia nacional ou regional?

Sempre ao contratar uma assessoria de imprensa, é necessário ter os seus objetivos claros, passando todos esses para o serviço adquirido. Sendo assim, os assessores podem traçar a melhor estratégia possível, sendo ela focada em mídia nacional ou regional. Afinal, qual é a melhor? https://goo.gl/Fizkps

5º Relacionamento com o cliente através das Mídias Sociais

Por fim, mas não menos importante, destacamos nesse texto a importância do relacionamento com o cliente através das mídias sociais, seja pelo Facebook, Instagram ou qualquer outra, separando ainda algumas dicas. https://goo.gl/jI7CiM

 

Read More
out 26th

Pokémon Go e os riscos dos produtos inacabados

Posted by with No Comments

Pikachu, Charizard e Bulbasaur já são nomes que fazem parte da rotina dos amantes, curiosos, pais e mães graças ao Pokémon Go. E eu fico muito feliz com isso, rs. O jogo me fez relembrar meus episódios favoritos, como era  e o melhor: dos desenhos na nossa infância, nos jogos em outras plataformas e estávamos agora ali, praticamente interagindo com os monstrinhos. O máximo, certo? Nem tanto assim…

Poucos meses depois do seu lançamento oficial no mundo, Pokémon Go, que se tornou um dos aplicativos mais baixados para smartphone, mas, perdeu boa parte dos seus jogadores. No mês passado, falando apenas do público pagante, já tinham saído da plataforma 79% dos usuários.

Mesmo assim, sofrendo com a grande perda dos jogadores, Pokémon Go ainda está positivo, com um grande número de usuários frequentes na plataforma, mostrando que, mesmo com a diminuição do seu sucesso inicial, pelo menos momentaneamente, ele ainda se mantém firme e forte no mercado.

A verdade é, em conversa informal com grande parte dos meus amigos que jogavam Pokémon Go, é que muitos se mostraram insatisfeitos por estar usando um jogo inacabado, que ainda precisava de melhoria e, vez ou outra, demonstrava certos problemas de jogabilidade.

No meu ciclo social e em grupos que frequentava no Facebook, este foi o maior motivo da saída dos usuários da plataforma. Ninguém se importava com o grande gasto de bateria, ou a necessidade do 4G e GPS ativados, mas sim com a falta de acabamento do produto comercializado pela Niantic, que já lançou diversas atualizações, mas ainda não caiu no gosto dos jogadores.

Não me estendendo mais do que o necessário, Pokémon Go ainda está firme no mercado graças a força da marca “Pokémon”, pois com a grande perda que teve por parte dos seus usuários, caso não tivesse tido um hype inicial muito grande, o game poderia ter sido um grande fracasso.

Por isso, principalmente falando de Startups e PMEs, precisamos tomar cuidado antes do lançamento de nossos produtos no mercado. Será que não seria melhor adiar algumas semanas, quiçá meses, para entregar um serviço completo, mas que, caso necessário, poderia ser melhorado através de atualizações?

Read More
out 11th

Relacionamento com o cliente através das Mídias Sociais

Posted by with No Comments

A proximidade que as mídias sociais permitem que as empresas tenham com os seus clientes é um dos grandes pontos positivos, a favor de ambos os lados. Isso quer dizer que, graças a isso, ficou mais fácil para o consumidor de uma marca entrar em contato com os responsáveis, sem a necessidade de ficar telefonando para o Serviço de Atendimento ao Cliente, o que pode demandar muito mais tempo e esforço, além de nem sempre ter a garantia de ser devidamente atendido e a solicitação devidamente registrada no sistema – fora que, venhamos e convenhamos, é chato à beça ficar pendurado no telefone e ainda começar o atendimento falando com uma secretária eletrônica, né?

Além disso, por outro lado, as empresas conseguem se comunicar com os seus clientes através das postagens, normalmente, diariamente, com novas promoções, novos produtos, entre outras coisas, estreitando ainda mais a relação das duas partes, independentemente da mídia social que o negócio escolheu para ser o seu carro-chefe na comunicação, variando de acordo com o público-alvo.

Porém, nem todas as empresas, principalmente brasileiras, conseguem ter uma boa comunicação com os seus clientes. Apesar de ter um bom número de postagens, com conteúdo interessante e que atraem a atenção dos consumidores, alguns negócios não conseguem responder a demanda dos usuários das mídias sociais, quando os mesmos se posicionam sobre o que as empresas estão escrevendo ou mostrando nas redes. Dessa forma, nem sempre os negócios, sejam grandes ou pequenos, têm sucesso na tentativa de humanizar o conteúdo para os usuários e consumidores.

Por isso, como somos muito legais, separamos algumas dicas para que vocês desenvolvam um melhor trabalho nas mídias sociais:

  • Humanize o seu conteúdo, traga o seu público para mais perto;
  • Estreite o relacionamento com o consumidor. Responda os comentários, curta, preste atenção na demanda;
  • Varie a forma de conteúdo. Não poste apenas foto, ou apenas vídeo. Ofereça maiores opções aos seus clientes;
  • Utilize linguagem específica para cada rede social;
  • Nos contrate! Fazemos tudo isso para vocês e muito mais hahahaha.

 

Read More
out 6th

O que seu negócio precisa: mídia nacional ou regional?

Posted by with No Comments

O perfil dos veículos que se trabalha uma marca está diretamente ligado as metas que a empresa deseja alcançar no mercado. No entanto, o empreendedor que contrata uma Assessoria de Imprensa, muitas das vezes, mostram preferência por dois tipos: Veículos de Nicho, que são especializados em determinados assuntos, e os  de Grande Circulação, como O Globo, Folha de São Paulo e Valor Econômico.

Qual oferece uma comunicação mais eficaz? Depende do seu objetivo! Neste último mês, por exemplo, trabalhamos nas duas frentes com dois diferentes clientes, a Colombina Realizações, com o evento II Festival Funk Favela, focado nos veículos de nicho, e o Dubbio, com os mais populares.

“Pensamos que é necessário um olhar particular voltado  para o público das comunidades, a fim de entender o que os toca e causa interesse, não basta informar que está acontecendo. É um trabalho de formação de platéia, mas uma platéia que está em seu quintal. A mídia especializada pode e deve tentar alcançar o público que, em geral, não consome cultura e, por isso, tem resistência em participar. Uma comunicação direcionada pode alcançar melhor  este objetivo”, explicou Cintia Sant’Anna, da Colombina Realizações.

Já o CEO do Dubbio, Tomaz Chaves, também exalta a importância dos veículos de nicho para o negócio, mas, por sua plataforma atingir diferentes públicos, dá preferência para a comunicação nos canais populares. “Um dos meus projetos, o Dubbio, é uma plataforma para que o cidadão esclareça dúvidas sobre questões jurídicas. Por isso, o nosso público-alvo é composto por pessoas de diferentes áreas. Se o seu negócio for de nicho divulgue para apenas para o seu nicho. É mais econômico e eficaz”, concluiu o empreendedor.

E você, empreendedor? Qual tipo de comunicação prefere? Voltada para os veículos de nicho ou canais populares?

 

Read More
out 3rd

Os 5+: Os posts mais lidos de setembro

Posted by with No Comments

Fim das Olimpíadas e das Paralimpíadas e voltamos ao mundo normal, com muito trabalho e produção de conteúdo para as nossas redes sociais. Com isso, sem mais delongas, estamos tirando agorinha mesmo do forno os cinco textos mais lidos ao longo do mês de setembro!

Ficou curioso sobre os textos mais lidos? Pois tem novidades! Nesse mês teve perda de liderança, com os “novinhos” fazendo bonito e conquistando o seu lugar ao Sol! Confiram abaixo:

1º LaPresse Entrevista: RP pra quê? com Fernanda Mizzin, da EventBrite

O nosso texto mais acessado do mês de setembro foi o excelente bate-papo que tivemos com a queridíssima Fernanda Mizzin, da Eventbrite, explicando melhor o que faz um profissional de Relações Públicas: goo.gl/7FKTQK

2º  O controverso follow up

Já em segundo lugar ficou ‘O Controverso Follow Up’. Sempre muito acessado por todos que nos seguem, o artigo continua chamando a atenção e se mostra atual mesmo com o passar do tempo. Nele explicamos como funciona o processo de encantar o jornalista na hora do contato por telefone e a importância desse processo para estreitar a relação com a mídia: goo.gl/ZthZys

3º Assessoria de Imprensa na prática

Sabe como uma Assessoria de Imprensa funciona? Não? Nesse post explicamos um pouquinho mais da funcionalidade desta importante forma de comunicação com a mídia, mostramos como desenvolvemos a estratégia de relacionamento com a imprensa nacional e internacional sem perder de vista o objetivo em comunicação de cada empresa:  goo.gl/PStozS

4º O porquê de participar de um espaço coletivo

Neste post explicamos nossa saga em busca de um lugar para chamar de nosso e porque optamos em estar num coletivo ao invés de um coworking: os benefícios de desenvolver produtos em grupo, fortalecimento real de networking e a troca de informações e experiência entre empreendedores: goo.gl/fAkRE6

5º Como planejar o relacionamento com a imprensa de sua startup

Em quinto lugar, mesmo sendo um texto já antigo no nosso blog, o artigo voltou a fazer sucesso e chamar a atenção do público, falando um pouco mais sobre o planejamento de comunicação de sua startup: goo.gl/jr4UAo

Read More
set 29th

LaPresse Entrevista: “Engana-se que Social Mídia qualquer um faz”, afirma Débora Sousa

Posted by with No Comments

As Mídias Sociais já explodiram e crescem a cada dia mais. Com isso, é importante que a sua empresa, o seu negócio, a sua startup, esteja nas redes sociais, seja no Twitter, Instagram, Facebook, Snapchat ou outra rede social alinhada ao seu público, entre tantas outras, levando em conta, é claro, o produto ou serviço comercializado!

Em um outro texto falamos sobre a especificidade de cada uma dessas redes sociais, orientando melhor os empreendedores sobre quais locais investir para atingir, de forma assertiva, o seu público-alvo, seja ele consumidores ou potenciais clientes.

Agora, falando ainda mais sobre as mídias sociais e a importância de um profissional da área, o Social Media (ou Social Mídia, em português), convidamos a Business Inteligence Débora Sousa para um bate-papo, com uma experiência de ter atuado, ao longo de dois anos e meio como Social Mídia da Coca-Cola!

Confira abaixo como foi o nosso bate-papo!

LaPresse (LP) – O que seria a humanização de conteúdos nas redes sociais?

Processed with VSCO with c1 presetDébora Sousa (DS): É tentar se aproximar ao máximo do consumidor. Parece clichê, mas é o que as empresas, que se destacam nas mídias sociais, fazem. É deixar de dizer claramente a frase “eu vendo isso”, para avaliar os gostos e necessidades dos seus consumidores e dizer pra eles: eu vendo isso porque te trará ‘x’ benefícios e minha empresa se responsabilizará por ‘y’ na sociedade.

Em meio a tantas informações e opiniões que o universo digital nos apresenta, é preciso que a marca seja honesta e ágil quanto às suas ações que envolvem o seu segmento e o mundo.

LP – Como são trabalhadas as datas comemorativas através das redes sociais, como o Natal, Reveillon e a Páscoa?

DS: Com base em avaliações, por meio de ferramentas como o Google Trends, de como o nosso público alvo vivencia essa data, selecionamos os melhores conteúdos. Por exemplo: se meu público alvo são adolescentes, entre 13 e 17 anos, podemos selecionar um Youtuber de grande relevância para falar sobre a data. Também podemos pensar em um lançamento de produtos colecionáveis para que possam trocar e completar antes do final do ano letivo.

LP: Diversos artigos e livros falam da importância de comemorar conquistas com os seguidores, principalmente em pequenos negócios. Como você enxerga isso?

DS: As mídias sociais aproximam o consumidor do que ele consome. Quanto maior a sua presença neste ambiente, maiores são as chances do consumidor entender o que é a sua empresa, como pensa e quais os ganhos e perdas dessa relação. Demonstrar credibilidade e segurança fica muito além daquele discurso colado no site corporativo.

LP: Qual a importância das redes sociais no desenvolvimento de um negócio?

DS: Hoje em dia? Toda! Os consumidores que realmente se interessam ou podem se interessar pelo seu produto estão online. Apesar da relevância, as redes sociais não são da massa, como a TV aberta. As redes sociais são nichos, onde você fala diretamente com o seu consumidor final!

LP: Como definir os temas interessantes para os públicos?

DS: Antes de começar a responder dentro dos canais como Facebook e Twitter, é preciso um planejamento. Nele deve conter todas as suas metas e, principalmente, qual o público quer atingir. Já encontrei diversos empreendedores que querem falar com classe A, B, C e D ao mesmo tempo. Saber a diferença de pra quem você quer falar e com quem você realmente fala, é fundamental! Depois que isso é estabelecido, fica muito mais fácil saber o que o seu público procura e fala nos canais e criar uma Brand Persona – aquela voz representante que norteará suas conversas nas mídias sociais.

LP: Que tipos de métrica são interessantes para verificar o retorno?

DS: Lembra que falei de planejamento? As métricas vão depender do seu objetivo. Se a empresa deseja que mais pessoas engajem na página, comentando e curtindo seus posts, por exemplo, vale ficar de olho no seu alcance orgânico e pago, no número de impressões, entre outros.

LP: Quais dicas você pode dar para aqueles empreendedores que ainda não possuem dinheiro para contratar um social media, mas que queiram trabalhar as mídias sociais da empresa?

DS: Já dizia a minha avó: -”Para você saber mandar fazer, você precisa saber fazer!”. E neste meio é exatamente assim que funciona. Ler livros e artigos sobre o assunto e conversar com colegas que já investem nessa área vão fazer com que você saiba o que quer, entenda as necessidades e saiba escolher o profissional mais adequado para este serviço futuramente. Engana-se que Social Mídia qualquer um faz! Muitas empresas se perdem nesse meio por acreditar nisso. Vemos muitas empresas que desvalorizam financeiramente os social mídias, por não entenderem a sua importância.

 

Read More
set 14th

LaPresse Entrevista: RP pra quê? com Fernanda Mizzin, da EventBrite

Posted by with No Comments

 

O que um responsável por Relações Públicas, popularmente conhecido como “RP” pode fazer pelo meu negócio? Essa é uma questão que enche a cabeça dos empreendedores de dúvidas. Afinal, o quão importante é ter um profissional especializado neste ramo para o crescimento do negócio? Em tempos de novas mídias seria indispensável?

O profissional de Relações Públicas atua na promoção da imagem da empresa, com uma visão global da comunicação, com expertise para atuar na aproximação da marca com os influenciadores de seu mercado consumidor, gestão da comunicação interna, Assessoria de Imprensa e Social Media – atividades que, normalmente, são realizadas por jornalistas.

Para esclarecer maiores dúvidas e questões sobre essa ainda “misteriosa” profissão, conversamos com a Fernanda Mizzin, profissional da EventBrite. Confira abaixo como foi o nosso bate-papo:

LaPresse (LP) – Como as ações em RP podem contribuir para o desenvolvimento de uma empresa?

Fernanda-Mizzin-Eventbrite-Social-Media-WeekFernanda Mizzin (FM) -O profissional de Relações Públicas é quem vai construir a voz da empresa, desde como os funcionários se comunicam até executivos e diretoria. O ideal seria que todas as empresas, independente do número de funcionários, tivessem pelo menos um profissional de RP ou um representante de agência de comunicação para construir a imagem e estratégia de comunicação dentro e fora da empresa.

Um RP faz toda a comunicação interna, a externa (assessoria de imprensa), comunicados da diretoria, media training com porta-vozes, gerenciamento de crise, eventos e cerimoniais e uma função mais recente que é cuidar da imagem e reputação da empresa na internet, o RP 2.0, com gerenciamento de redes sociais, Blogs e páginas espalhadas pela Web, inclusive, se a instituição tiver algum problema com posts de funcionários nas redes sociais, é esse profissional que será acionado e que deverá indicar a melhor forma de se comunicar, mesmo que o funcionário esteja fora do seu horário de trabalho.

LP – Hoje temos uma variedade de canais para nos comunicar com o público, via Assessoria de Imprensa e Redes Sociais. Quais cuidados os empresários devem tomar?

FM – A maior dificuldade hoje é conseguir monitorar todos os canais e tudo que é falado sobre a empresa. Então, é preciso sempre pesquisar sobre assuntos relacionados e o próprio nome da empresa em sites de buscas, nas redes sociais, as ‘#’ utilizadas pelo público e também os influenciadores para saber o que estão dizendo sobre a marca.

Outra dificuldade hoje é com a grande demanda que jornalistas recebem de pautas e press releases, fica difícil conseguir emplacar uma boa matéria, a não ser que a sua notícia seja um grande acontecimento ou furo de reportagem.

Mas o mais importante é fazer uma boa pesquisa antes de traçar uma estratégia de comunicação, para ter certeza de quem é o seu público-alvo e qual é a melhor mensagem para se comunicar com ele.

LP – A CEO da Eventbrite se formou no mercado de comunicação. Como isso impacta no negócio?

FM – Nossa CEO Julia Hartz trabalhou para a MTV e Fox Networks como gerente de seriados das emissoras, e na Eventbrite sempre trabalhou muito para construir uma cultura global entre os cerca de 500 funcionários da empresa espalhados pelos escritórios existentes em oito países. Ela sempre focou seus esforços para que os colaboradores falassem a mesma linguagem e mantivessem uma só cultura global, isso é feito com a integração de todos os times, que apesar de separados pelos países e continentes, fazem reuniões semanais e mensais com seus colegas de mesma área por meio de Google Hangout. Além disso, semanalmente a CEO realiza uma reunião transmitida também por Hangout, em que responde perguntas de todos os funcionários e escuta as novidades de todos os escritórios. Uma vez por mês é feita outra grande reunião que serve como oportunidade para os funcionários mostrarem grandes projetos que estão realizando para todas as Eventbrites.

Além disso, recentemente anunciamos o nosso primeiro Country Manager Brasil, Hugo Bernardo, antes desse novo desafio, Hugo era o nosso diretor de marketing, mais um líder da comunicação!

É muito bom trabalhar com profissionais como o Hugo e a Julia porque eles entendem a importância de uma comunicação bem alinhada e estruturada dentro e fora da empresa.

LP – Startups são, naturalmente, grandes ideias inovadoras, mas normalmente com um baixo poder financeiro. Como elas podem iniciar ações de RP? E as PMEs? Podem utilizar as mesmas ações?

FM – Sim, isso é verdade! Para essas empresas novas e inovadoras muitas vezes fica difícil ter um orçamento especial para ser gasto com ações de relações públicas. O jeito é experimentar as opções de baixo custo que o mercado tem a oferecer e fazer você mesmo!

Por outro lado, nada substitui o contato e relacionamento com o jornalista, portanto, para essas pequenas empresas e startups o ideal seria contratar um profissional e um estagiário de relações públicas para começar esse relacionamento com a imprensa e fazer ele mesmo o trabalho de produção de releases e o follow up (ligar para os jornalistas) e traçar as outras estratégias de RP, como as de comunicação interna. No começo esse profissional ficaria muito atarefado, mas com certeza o esforço valeria a pena para ajudar a organização a crescer e ir conquistando o seu espaço e orçamento para grandes ações no futuro.

LP – Muitas das organizações encontram dificuldades em mensurar os resultados atingidos com ações de RP. Que dicas você poderia passar para que esse trabalho seja feito de maneira eficiente?

FM – Mensurar é mesmo muito difícil. Para a parte digital é mais fácil, por exemplo, ao soltar um release para a imprensa, incluir ao citar o nome da empresa ou produto, uma UTM (sistema de tagueamento), que nada mais é do que um código que irá indicar a campanha que você está trabalhando para o Google Analytics da empresa (isso só vale para as empresas que usam o Analytics). Esse código irá mostrar os acessos e até mesmo conversões vindas dos cliques das matérias publicadas com os esforços de assessoria de imprensa.

É muito importante também que os jornalistas e RPs estejam, hoje familiarizados com essas maneiras de mensurar e analisar dados, são elas que irão mostrar para a diretoria as metas e objetivos alcançados pelas suas ações.

LP – Para finalizar, o que não pode faltar em um planejamento de RP estratégico?

FM – Não pode faltar em um planejamento de RP estratégico a pesquisa e mapeamento da situação da organização, alinhamento de comunicação entre os envolvidos (a comunicação integrada) e a avaliação dos resultados. Na minha opinião, a mais importante é a pesquisa, o início do planejamento é essencial para que o restante do plano funcione perfeitamente.

Read More
set 12th

Os 5+: Os posts mais lidos de agosto!

Posted by with No Comments

Enquanto nas Olimpíadas e nas Paralimpíadas apenas os três atletas melhores colocados são premiados com medalhas de ouro, prata e bronze, aqui na LaPresse temos um coração mais maleável, ficando apaixonados sempre pelos cinco textos mais lidos do mês anterior.

Ficou curioso sobre os posts que driblaram esses grandes eventos e tiveram muitos acessos? Então coloque o óculos de leitura e vamos lá!

1º  O controverso follow up

O nosso texto mais acessado de agosto foi, mais uma vez, ‘O Controverso Follow Up’. Sempre muito acessado por todos que nos seguem, o artigo continua chamando a atenção e se mostra atual mesmo com o passar do tempo. Nele explicamos como funciona o processo de encantar o jornalista na hora do contato por telefone e a importância desse processo para estreitar a relação com a mídia: goo.gl/ZthZys

2º Assessoria de Imprensa na prática

Sabe como uma Assessoria de Imprensa funciona? Não? Nesse post explicamos um pouquinho mais da funcionalidade desta importante forma de comunicação com a mídia, mostramos como desenvolvemos a estratégia de relacionamento com a imprensa nacional e internacional sem perder de vista o objetivo em comunicação de cada empresa: goo.gl/PStozS

3º Dicas de inovação em comunicação para seu negócio

A comunicação nunca vai morrer. Isso é um fato. Porém, é importante estar sempre buscando meios de renovar e inovar a sua estratégia de comunicação, sendo um diferencial para a sua empresa e atraindo sempre os olhares de fora. Neste artigo damos algumas dicas de como aprimorar a comunicação na sua empresa e chamamos a atenção para algumas novas ferramentas: goo.gl/BUqwW1

4º Case LaPresse: Beer Plus na Mídia

A LaPresse já está firmada no mercado de comunicação há alguns anos, sendo sempre procurada por diversos jornalistas para indicar fontes e novas pautas para os seus veículos, tendo a sua qualidade reconhecida. Por isso, não é estranho que nós tenhamos alguns casos de sucesso, com comunicação assertiva e bons resultados em pouco tempo de trabalho, como foi no caso do Beer Plus: goo.gl/lS6awH

5º O clipping como ferramenta comercial

Em quinto lugar, mas não menos importante… A comunicação vai além do contato com a imprensa, mas também com a empresa sabendo o que fazer com o resultado que isso vai gerar, que, por muitas das vezes, é o clipping. Neste artigo falamos mais sobre a importância desta ferramenta como meio comercial: goo.gl/hQqoHF

Read More
jul 6th

Os 5+: Os posts mais lidos de junho!

Posted by with No Comments

Enquanto a Netflix adiciona em sua lista o filme os Oito Odiados, nós separamos os cinco textos mais amados do mês de junho (#PiadinhaRuim)! Por isso, separe os óculos, coloque aquela agradável música para leitura, concentrem-se e vamos lá!

E o texto que está na liderança é a respeito do controverso follow-up! Um assunto muito debatido nas assessorias de imprensa. Seguido bem de pertinho, está a postagem sobre assessoria de imprensa na prática, trazendo cases de estratégias aplicadas por nós para o sucesso de nossos clientes!

Confira abaixo os 5+ do mês de junho:

1º  O controverso follow up:

Ele segue no topo da lista! Nele explicamos como funciona o processo de encantar o jornalista na hora do contato por telefone e a importância desse processo para estreitar a relação com a mídia: goo.gl/ZthZys

2º Assessoria de Imprensa na prática:

Mais um conteúdo que deixa os empreendedores enlouquecidos! Aqui mostramos como desenvolvemos a estratégia de relacionamento com a imprensa nacional e internacional sem perder de vista o objetivo em comunicação de cada empresa: goo.gl/PStozS

3º Como superar a crise econômica via Assessoria Imprensa:

Mais um post fresquinho do nosso canal. Aqui falamos como o relacionamento com a imprensa pode ajudar seu negócio a passar pela crise com bons resultados: goo.gl/96dQa9

4º Assessoria de Imprensa para entrar em novos mercados:

Em quarto lugar, mas não menos importante, este texto reúne dicas e conselhos sobre como um assessor de imprensa deve se portar para mapear e atingir o seu público, independentemente do mercado: goo.gl/klryTC

5º Como a Assessoria de Imprensa e o Marketing de Conteúdo podem contribuir para seu negócio:

Por fim, o texto que fecha a nossa lista dos 5+. Ao longo do conteúdo, especialmente preparado para esses dias super conectados, com as mídias sociais em constante ascensão, mostramos um pouco do passo-a-passo para utilizar adequadamente os seus canais de contato com o público, maximizando os resultados: goo.gl/BsXiOP

Dica de Leitura

Para repensar sua estratégia de assessoria de imprensa, leia este post!

Agora, se já sabe onde quer chegar e deseja apenas potencializar seus resultados, confira nossas dicas  e cases de sucesso.

Read More
abr 14th

Como investir em Redes Sociais

Posted by with No Comments

Vivemos sob uma enxurrada de novas tecnologias chegando diariamente. Atualmente é comum uma rede social nova chegar e já começar a fazer o seu nome no mercado, se tornando uma grande plataforma de comunicação. Com tantas mídias sociais, fica até complicado saber em qual investir para a sua empresa alcançar o público.

Com isso, nós, da LaPresse, preparamos uma listagem com as mídias sociais mais faladas do momento, se tornando comuns na comunicação da empresa com o público. No entanto, cuidado! Não adianta criar um perfil em cada uma delas e não alimentá-lo com conteúdo interessante, pois isso pode ser um tiro no pé e passar a imagem de “desleixo”.

Blogs

Apesar de não oferecer uma aproximação tão grande com o público, os blogs permitem que a empresa trabalhe como uma forma de “diário”, compartilhando a sua expertise e mostrando as suas credenciais a possíveis novos clientes, podendo, inclusive, se destacar dos demais concorrentes com a plataforma. Com um conteúdo diferente e humanizado, a ferramenta pode promover um engajamento ainda maior e criar debates, fazendo com que o alcance seja maior.

Twitter

O Twitter é uma plataforma já fixada no mercado das mídias sociais, sendo bastante utilizado pelas empresas devido a sua comunicação curta, rápida e eficiente, causando uma grande influência social em toda a rede. Fora isso, graças a utilização de hashtags, o microblog permite um grande potencial de propagação do conteúdo e de sua marca. No entanto, o risco é a velocidade da plataforma. Pelas informações pipocarem muito rápido, normalmente é necessário deixar um social media exclusivo nela para dar conta de todo o conteúdo.

Facebook

O Facebook cresceu e se tornou uma das maiores plataformas para a prospecção de empresas das mídias sociais. Com inúmeras funcionalidades para os usuários e para os social media, que conseguem fazer um grande trabalho, tendo diferentes opções para fazer as suas empresas crescerem. Porém, o crescimento da rede social também traz perigos, visto que o poder nas mãos de uma única organização sempre oferece riscos.

Por outro lado, com o Facebook planejando manter o usuário pelo maior tempo possível, caso o conteúdo criado pela empresa seja interessante, o engajamento por parte dos usuários da mídia social passa a ser maior, movendo os holofotes na direção da rede social de Marck Zuckerberger.

Google Plus

Apesar de ainda não ser muito conhecida e nem muito abrangente em território brasileiro, o Google Plus não merece ser ignorado. Carregando o nome do todo poderoso Google, a mídia social possui em sua “bagagem de parceria” sites como Gmail e o YouTube, trazendo uma facilidade maior para os, ainda poucos, usuários da rede.

LinkedIn

O LinkedIn já é uma mídia social com um perfil mais profissional, exigindo uma linguagem mais culta, não tanto coloquial, como pode ocorrer nas outras redes. Esta mídia é uma das principais quando uma empresa deseja ser visto por outros negócios e empreendedores, visto que, além de possuir milhões de usuários, é considerada a maior rede social de negócios do mundo.

Foursquare

Mesmo com muitas pessoas olhando apenas o seu lado social, ignorando as funcionalidades da plataforma, é ideal que empresas, principalmente restaurantes, lanchonetes, entre outros locais sociais, estimulem os seus usuários a fazerem o “Check-in”, mostrando aos seus amigos de Facebook e seguidores de Twitter onde ele se encontra, fazendo uma propaganda gratuita do local.

Instagram

Uma das maiores redes sociais do momento, com um crescimento incrível nos últimos anos. Assim pode se resumir o Instagram, com um banco de dados de milhões de usuários em todas as partes do mundo. Por isso, obviamente, é de extrema importância que a empresa se faça presente na plataforma. No entanto, claro que, para estar presente na mídia, o negócio precisa de boas imagens para, assim, atrair a atenção de possíveis clientes e consumidores. Além disso, ao usar a plataforma, use e abuse das hashtags, que permitem que o engajamento seja maior e a atenção do usuário seja mais frequentemente atraída.

YouTube

Apesar da grandeza, é uma rede social perigosa. Precisando ser atualizada frequentemente, assim como todas as outras, o erro de algumas empresas é “forçar” um conteúdo que não é interessante na plataforma, podendo ser “queimada” desta forma, sendo olhada de forma mais cautelosa, inclusive por possíveis investidores. No entanto, se o lado visual do seu negócio for mais forte, vá em frente! Se tem parceiros que ajudam no seu trabalho, principalmente se for um negócio pequeno, não deixe de expôr as marcas.

Com isso, chegamos ao fim do post do Blog de hoje. Claro que existem muitas outras mídias sociais, inclusive em outros países, que podem receber uma atenção maior da sua empresa. Porém, as citadas acima são as que precisamos ficar de olho imediatamente, nos fazer presente, investir, aparecer e, assim, crescer. Não se preocupem por sua empresa não estar presente em todas as mídias sociais citadas acima, inclusive não recomendamos isso, mas, onde estiver, busquem conteúdo interessante, mantendo a plataforma sempre atualizada.

 

Read More