Blog

jan 30th

Paris 6 dá aula de empatia e fidelização através das redes sociais

Posted by with No Comments

Engana-se quem pensa que o cuidado com o cliente deve ocorrer apenas da porta para dentro do seu estabelecimento. Já falamos em milhares de textos sobre a importância da comunicação como um todo, tanto interna, quanto externamente. Inclusive, mais recentemente, falamos sobre a comunicação como base de todo relacionamento, sendo ele profissional ou pessoal: http://www.lapresse.com.br/como-construir-um-ciclo-de-comunicacao-para-pme/

E o Paris 6  - aquele restaurante super bem falado que a minha namorada quer ir e eu nunca levo – mostrou que está atento não apenas a necessidade, mas também ao bem-estar de seus clientes. Neste mês de janeiro, durante uma forte chuva em São Paulo, uma consumidora foi derrubada pela força da água, quando ia entrar no restaurante.

O vídeo, é claro, viralizou nas redes sociais, virando memes e gifs. No entanto, o restaurante estava atento a isso e, mostrando preocupação com a sua cliente, se posicionou: começou a procurar a consumidora para uma “noite de estrela” através da página oficial no Facebook, com  Isaac Azar, sócio-fundador do Paris 6, assinando a postagem.

Apenas isso, já rendeu uma resposta da cliente Nathalia Alves, mostrando-se bem e destacando a atenção dada por todos do Paris 6, desde o sócio-fundador, até o manobrista, que estava ajudando-a no momento do acidente.

Poderia ter ficado apenas nisso? Sim, mas o Paris 6 foi além e tornou Nathalia uma cliente vip vitalícia, podendo fazer refeições gratuitas em qualquer unidade do restaurante.

O que isso demonstra?

Qualquer empreendedor poderia, simplesmente, não falar nada sobre o acidente e deixar passar essa onda. Afinal, o incidente não ocorreu dentro do estabelecimento e o Paris 6, teoricamente, não teria nenhuma responsabilidade com a consumidora.

Mesmo assim, com atenção as redes sociais e ao consumidor, enxergando o ser humano em cada um de seus clientes, agiu, e agiu certo! Humanizou o restaurante, mostrou toda a agilidade para a resposta sobre a situação – mesmo não sendo culpa do Paris 6 -, colocou o líder em destaque e pensou apenas em seu cliente, não querendo nada em troca.

Outros cases

Não é incomum algumas empresas entrarem em polêmica por ações de seus funcionários. Empreendimentos como Burger King, FedEx e American Airlines já encararam de frente alguns problemas e, com agilidade e eficiência, reverteram a situação ruim.

Na FedEx, por exemplo, um funcionário foi filmado jogando uma caixa de qualquer jeito, não se importando com o conteúdo interno. O presidente da empresa, Matthew Thornton, gravou um vídeo-resposta às críticas pedindo desculpas e apresentando medidas para que o problema não voltasse a ocorrer.

Já no Burger King, um funcionário postou uma foto nas redes sociais pisando em cima de alfaces da empresa, gerando raiva nos consumidores dos alimentos. Rapidamente, a rede de fast-food se posicionou, localizando o autor da foto, demitindo-o e emitindo um comunicado sobre a solução do caso. Medidas simples, certo? Mas com agilidade: tudo ocorreu em menos de 24h.

A American Airlines passou por uma saia-justa por causa de boatos! Algumas histórias levantaram a possibilidade de uma suposta falência da empresa, que, por sua vez, criou vários canais específicos para falar sobre esses rumores, inclusive dentro do seu site!

A Brastemp também mostrou-se atenta às redes sociais, quando um cliente, depois de 90 dias sem geladeira e 10 ligações para o SAC, colocou o seu refrigerador na porta de casa, gravou um vídeo e postou nas mídias sociais. No mesmo dia a empresa ficou sabendo do caso, entrou em contato com o consumidor, resolveu o problema, investigou onde ocorreu a falha, ofereceu, novamente, treinamento para todos os profissionais para que o problema não se repetisse e se posicionou pela internet e em diversos veículos de comunicação.

Resumindo a história, com o avanço das tecnologias e o crescimento das mídias sociais, é primordial que toda empresa esteja atenta as novidades e seja rápida em responder os seus consumidores, não deixando que o problema vire uma bola de neve e coloque tudo a perder em pouco tempo.

Ficou com alguma dúvida ou quer saber mais sobre Relações Públicas e Mídias sociais?

Entre em contato com a gente pelo e-mail [email protected].

 

Tagged with: , , , , , , , , , , ,

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *